Envios em 24-48 horas e GRÁTIS para encomendas superiores a 29€

Carrinho de Compras

O seu carrinho está vazio

Continuar a Comprar

Do teletrabalho ao cronotrabalho

Já se passaram mais de 4 anos desde que o COVID nos trancou em casa e trouxe consigo uma nova forma de trabalhar para a Espanha, antecipando-nos a um futuro desconhecido, mas que estava ao nosso alcance e não queríamos ver: o teletrabalho. Quase um lustro depois, esta modalidade evoluiu a passos largos até chegar à nova tendência do Chronoworking. Você sabe o que é? Nós te contamos.

 

Como dissemos, o teletrabalho se impôs de maneira completamente inesperada e chegou, não só para ficar, mas para avançar, evoluir e se adaptar cada vez mais às necessidades e ritmos de vida dos trabalhadores. Tanto é assim que, nos últimos tempos, temos ouvido falar do trabalho híbrido, do Modern Workplace ou dos nômades digitais. E agora, o que se fala é o chronoworking ou cronotrabalho, que nada mais é do que adaptar seu horário de trabalho aos seus ritmos circadianos.

 

Cada um de nós é mais produtivo em determinados momentos do dia do que em outros. O que busca essa nova fórmula do cronotrabalho é adaptar nosso horário de trabalho a esses momentos em que somos mais produtivos e trabalhar seguindo nosso ritmo biológico. Essa nova tendência busca trabalhar para cumprir objetivos e personalizar o horário de acordo com nossos momentos de maior produtividade, em vez de trabalhar para cumprir um horário pré-estabelecido. E é que nem todas as pessoas rendem da mesma forma nem no mesmo momento. De fato, há estudos que demonstram que pouco mais da metade das pessoas atingem seu nível máximo de produtividade entre as 10 e as 14 horas; o outro 45% entende-se que são mais produtivos em outros momentos do dia.

 

Seguindo com dados e estatísticas, uma pesquisa realizada pela empresa de recrutamento Walters People mostra que 44% dos entrevistados destacaram duas vantagens principais: uma melhoria na saúde mental e um aumento na concentração e produtividade no trabalho. Outros 10% apontaram a melhoria do sono como um benefício importante dessa nova fórmula de trabalho.

Afinal, a base necessária para um alto nível de produtividade é um alto nível de motivação de seus funcionários e as novas fórmulas de recursos humanos que as empresas estão implementando passam por uma maior flexibilidade nos horários e uma crescente conciliação com a vida pessoal.

português (Portugal)